Segunda, 20 Junho 2022 19:16

EM FLAGRANTE: Polícia Civil prende envolvidos na morte de idoso em Mucajaí

Os envolvidos foram apresentados nesta segunda-feira, 20, na Audiência de Custódia Os envolvidos foram apresentados nesta segunda-feira, 20, na Audiência de Custódia Polícia Civil de Roraima

Diligências continuadas realizadas por policiais civis lotados na SIOP (Seção de Investigação e Operação) da Delegacia de Mucajaí com apoio do GRI (Grupo de Resposta Imediata), resultaram na prisão em flagrante de um adulto e dois adolescentes, apontados como autores do latrocínio do idoso, Hélio Carlos dos Prazeres, de 68 anos. O crime foi planejado por uma adolescente de 13 anos, vizinha da vítima, que foi apreendida neste domingo (19), juntamente com seus comparsas.

A equipe da PCRR (Polícia Civil de Roraima) investiga o crime desde o momento em que foi noticiado. De acordo com informações prestadas pelo delegado Adriano Santos, que presidiu o inquérito, o crime ocorreu por volta das 22 horas, em um bar localizado na entrada da vicinal do Tamandaré, Bairro São Jorge, município de Mucajaí, na última sexta-feira (17), naquele município.

O delegado ressaltou que imediatamente foram iniciadas as investigações para esclarecer a autoria e a motivação do crime. Durante as investigações os agentes receberam a informação de que uma adolescente de 13 anos e o namorado dela, D. R. P., de 18 anos, tinham envolvimento no crime, e se deslocaram até a casa da garota, que fica a uns 100 metros da casa da vítima.

“No local a mãe da jovem contou que D. R. P., é conhecido da família e que teria levado a filha para casa de uma amiga, com quem ela tinha combinado de ir à Boa Vista para, assim, irem a um curso que frequentam aos sábados" disse o delegado.

Conforme o delegado no sábado pela manhã, a adolescente entrou em contato com a mãe dela, informando que havia matado o idoso, juntamente com o namorado e um amigo dele. Os agentes realizaram várias diligências no município de Mucajaí e em Boa Vista, com apoio do GRI, com intuito de localizar os suspeitos.

A adolescente foi localizada em um sítio, em uma vicinal na região do Bom Intento, zona rural de Boa Vista. Em ato contínuo os agentes localizaram D. R. P., em uma frutaria no entroncamento da BR-174 com a entrada da vicinal do Bom Intento, próximo ao CSE (Centro Sócio Educativo), em Boa Vista.

Os dois confessaram a autoria do crime e confirmaram a participação de um terceiro envolvido, um adolescente de 17 anos, que foi preso no município de Mucajaí.

Ainda segundo o delegado Adriano Santos, os três suspeitos foram conduzidos até a Delegacia de Mucajaí, e durante o interrogatório detalharam como foi a dinâmica do crime.

 

PLANO CRIMINOSO - A adolescente de 13 anos confessou que é vizinha da vítima e mantinha uma relação de amizade com idoso, pois frequentava o seu estabelecimento comercial para realizar a compra de mercadorias e também fazia faxinas em troca de dinheiro.

Devido essa proximidade com a vítima, ela sabia que ele vivia sozinho e passou a colher informações de seu cotidiano, aproveitando-se da confiança que ele tinha nela.

A garota contou que a vítima teria revelado que guardava uma grande quantidade de dinheiro, e que tinha uma arma de fogo. Com as informações, a adolescente contou ao namorado D. R. P., e juntos planejaram a ação criminosa.

Ainda segundo o delegado Adriano Santos, o casal procurou o adolescente de 17 anos e contaram sobre a possibilidade de o idoso ter dinheiro e arma em casa, convidando-o para ajudá-los a roubar e matar a vítima.

A garota foi até a casa de Hélio Carlos dos Prazeres e ficou conversando com ele até aproveitar o momento em que foi ao banheiro.

“Neste momento ela abriu a porta para seus comparsas, que invadiram a residência da vítima e o dominaram, amarrando seus pés e mãos, dando início, assim, às agressões que levaram o idoso a morte”, detalhou o delegado.

Da residência, o trio roubou a quantia de R$ 106,00, uma motocicleta HAOBAO/HB e um aparelho celular. A motocicleta foi abandonada por eles na área urbana do município de Mucajaí, que já foi localizada pela polícia. E o aparelho celular da vítima foi apreendido com a adolescente.

 Diante dos fatos e, após os interrogatórios, onde os envolvidos confirmaram todo o crime, o delegado autuou D. R. P., em flagrante pelo crime de latrocínio e, contra os adolescentes, foi lavrado um AAFAI (Auto de Apreensão em Flagrante por Ato Infracional) também por latrocínio. Todos os acusados serão apresentados nesta segunda-feira (20), na Audiência de Custódia.